Av. Professor João Brasil . Fonseca . Niterói . RJ

Seja Bem-vindo(a)

Fale conosco

(21) 2628-4899

(21) 3123-5688

 

PANABRAS COMÉRCIO E SERVIÇOS LTDA. 

CNPJ: 03.083.648/0001-67 | INEA: UN000890/55.61.10

(21) 9 9796-8180

Acessar Blog

Carrapato 

 

A doença do carrapato se apresenta de duas formas: erliquiose, uma bactéria, e babesiose, um protozoário. São dois micro-organismos diferentes que atacam células distintas, mas em geral causam problemas muito similares. É comum que a infecção seja pelas duas juntas, ou seja, o carrapato vai transmitir tanto a erliquiose quanto a babesiose para o cachorro.

Em geral, a erliquiose se manifesta e progride lentamente, tornando-se crônica, isto é, com sintomas claros. A babesiose, por outro lado, mostra rapidamente a que veio com sintomas semelhantes à erliquiose. A única maneira de confirmar qual delas atacou o animal é por exames laboratoriais, como o de sangue.

A doença do carrapato não tem vacina, mas há formas de prevenção. O problema existe há muito tempo e está ligado aos hábitos de higiene dos locais onde o cachorro transita.

 

Sintomas
Embora a erliquiose e a babesiose sejam parecidas, a questão principal está, entre outras coisas, na velocidade e nos estágios em que se manifestam no animal com a doença do carrapato.

A erliquiose ataca o sistema de defesa do cachorro (os glóbulos brancos). A bactéria induz o corpo do animal a destruir suas células de defesa, plaquetas (responsáveis pela coagulação do sangue) e impede a produção de novas células sanguíneas (hemácias), por isso é tão grave. Ela possui três fases bem acentuadas: aguda, com sintomas comuns a uma infecção, como febre, falta de apetite e perda de peso; subclínica, que não apresenta sintomas e pode durar até mesmo anos após a picada do carrapato; e, por fim, a fase crônica, com sintomas parecidos com os da fase aguda, mas mais graves e intensos.

A babesiose, por sua vez, ataca os glóbulos vermelhos, responsáveis pela circulação de oxigênio no sangue. Apesar disso, alguns sintomas são parecidos com os da erliquiose %u2013 como febre, fraqueza, perda de apetite, entre outros. Ela pode ser diagnosticada por exames laboratoriais.

Embora ela tenha uma fase com poucos sintomas, como a erliquiose, alguns dos rastros evidentes da doença do carrapato no cachorro são anemia, mucosas (gengiva, olhos e interior dos genitais) amarelas ou pálidas e insuficiência renal aguda, que causa sinais como pouca ou nenhuma urina e urina escura. O cachorro também pode apresentar sintomas de intoxicação, como desorientação e tontura %u2013 isso porque seu corpo não está eliminando as toxinas pelo xixi.

 

Causas
O nome doença do carrapato já aponta o meio de transmissão: o carrapato marrom (Rhipicephalus sanguineus). Assim como o parasita pode ser apenas um um meio de transporte, sem ter nascido com a babesia, ele também pode absorver o protozoário ao picar um cachorro infectado e então passar aos seus filhotes (se for fêmea), que então nascem com o micro-organismo. Apesar de ainda não ser confirmado, acredita-se que o mesmo ciclo acontece com a Ehrlichia.

O carrapato, que está na base da transmissão da doença do carrapato, agrava ainda mais a situação do cachorro. Isso porque, além de dois parasitas destruindo as células sanguíneas e impedindo sua produção, o pequeno aracnídeo ainda suga o sangue do animal, o que diminui ainda mais a quantidade total de sangue. Ou seja, mesmo que não houvesse a transmissão da doença do carrapato, a simples presença do parasita nos cães é preocupante e causa problemas.

Não há como culpar apenas o ciclo da doença do carrapato e a existência do carrapato marrom como causador e transmissor. O carrapato se prolifera em lugares úmidos e quentes, além de quase todos os lugares em que o seu cachorro estiver. Assim, onde houver condições de vida e esconderijo, o transmissor da doença do carrapato faz morada. É preciso investir em prevenção.

CONTATO

ENVIE SUA MENSAGEM

(21) 2628-4899

(21) 9 9796-8180

(21) 3123-5688



Clique aqui para visualizar no mapa

Av. Professor João Brasil . Fonseca .Niterói . RJ

FALE CONOSCO

ENDEREÇO

DEDETIZADORA NITEROIENSE

Niteroi - São Gonçalo e Maricá - Você confia e nós Garantimos.

ENTRE AGORA NO PRÓXIMO SITE - NOVIDADES

Dedetizadora Niterioiense 2018 © Todos os direitos reservados.